.

Associação Comercial torna-se porta de entrada para negócios com América Latina e China

A participação da Associação Comercial de Porto Alegre da 11ª Cúpula de negócio China-América Latina e Caribe (China LAC), entre os dias 30 de novembro e dois de dezembro, na cidade uruguaia de Punta del Este, representa a segunda etapa do um projeto do Comitê Internacional da entidade de ser a porta de entrada de empresários da América Latina e China para fazer negócios em Porto Alegre.

O presidente da Associação Comercial de Porto Alegre Paulo Afonso Pereira fez contatos em Punta del Este com agências comerciais da Argentina, Colômbia, Costa Rica, Equador e Agência de Promoção de Exportações e Investimentos Uruguai 21, responsável pela organização da China LAC. “Nossa proposta é que o consulado ou a agência do país parceiro indique empresários para reuniões de aproximação em 2018.”

Também foram contatados chineses da importância de Su Shouzhen, presidente do Conselho da China Para a Promoção do Comércio Internacional, entidade que liderou os empresários asiáticos no evento realizado no Uruguai, além de Zhou Liang, do Departamento de Promoção de Exportações e Investimento e Liu Huimin, principal membro do Departamento de Negócios, entre outros.

Segundo Pereira, a proposta com os chineses é estreitar o relacionamento que começou com a assinatura de um convênio em 2016 com o Instituto de Promoção do Comércio e do Investimento de Macau (IPIM) durante a 21ª Feira Internacional de Macau (MIF), em Macau. A partir daí as empresas que buscam negócios com a China sob orientação da Associação Comercial de Porto Alegre estão conversando diretamente com o governo chinês na língua portuguesa.

Um exemplo de como poderão acontecer possíveis parcerias entre América Latina e China é a empresa chinesa Siera de produtos eletroeletrônicos para monitoramento e vigilância. Os representantes para América Latina, os uruguaios Roberto Cichini e Silvia Manrique, fizeram contato com o presidente da ACPA e acertaram uma apresentação da empresa no Palácio do Comércio. “Eles querem montar uma operação no Brasil via Porto Alegre e, através da entidade, identificar possíveis parceiros”, explicou Pereira.

Participaram juntamente com o presidente da Associação Comercial dos contatos em Punta del Este, o coordenador do Comitê Internacional da Associação Comercial, Geraldo Fonseca, e a sócia-diretora da Perspektiv, Consultoria Internacional, Meriele Christ.